Política de privacidade

Quem somos

O endereço do website principal é: http://www.slefty.com

Que dados recolhemos e porquê os recolhemos

Comentários

Quando os visitantes deixam comentários no site, recolhemos os dados mostrados no formulário de comentários e também o endereço IP do visitante e a string do agente do usuário do navegador para ajudar na detecção de spam.

 

Media

Se fizer upload de imagens para o site, evite o upload de imagens com dados de localização incorporados (GPS EXIF) incluídos. Os visitantes do site podem baixar e extrair quaisquer dados de localização de imagens no site.

Formulários de Contacto

Cookies

Se você deixar um comentário no nosso site, você pode optar por salvar o seu nome, endereço de e-mail e site em cookies. Estes são para sua conveniência, para que você não precise preencher seus dados novamente quando deixar outro comentário. Esses cookies durarão um ano.

Se você tiver uma conta e fizer login neste site, definiremos um cookie temporário para determinar se seu navegador aceita cookies. Este cookie não contém dados pessoais e é descartado quando você fecha o navegador.

Quando fizer login, também configuraremos vários cookies para salvar suas informações de login e suas opções de exibição na tela. Os cookies de login duram dois dias e os cookies de opções de tela duram um ano. Se você selecionar “Lembrar de Mim”, seu login persistirá por duas semanas. Se você sair da sua conta, os cookies de login serão removidos.

Se você editar ou publicar um artigo, um cookie adicional será salvo no seu navegador. Este cookie não inclui dados pessoais e simplesmente indica o ID do post que você acabou de editar. Expira após 1 dia.

Conteudo de outros websites

Os artigos deste site podem incluir conteúdo incorporado (por exemplo, vídeos, imagens, artigos etc.). O conteúdo incorporado de outros sites se comporta da mesma maneira como se o visitante tivesse visitado o outro site.

Esses sites podem coletar dados sobre você, usar cookies, incorporar rastreamento adicional de terceiros e monitorar sua interação com o conteúdo incorporado, incluindo o rastreamento de sua interação com o conteúdo incorporado, se você tiver uma conta e estiver conectado ao site.

Quanto tempo guardamos os seus dados

Se você deixar um comentário, o comentário e seus metadados serão retidos indefinidamente. Isso é para que possamos reconhecer e aprovar quaisquer comentários de acompanhamento automaticamente, em vez de mantê-los em uma fila de moderação.

Para usuários que se registram no nosso site, também armazenamos as informações pessoais que eles fornecem em seu perfil de usuário. Todos os usuários podem ver, editar ou excluir suas informações pessoais a qualquer momento (exceto que não podem alterar seu nome de usuário). Administradores de sites também podem ver e editar essas informações.

Que direitos temos sobre os seus dados

Se você tiver uma conta neste site ou tiver deixado comentários, poderá solicitar o recebimento de um arquivo exportado dos dados pessoais que mantemos sobre você, incluindo quaisquer dados que você nos forneceu. Você também pode solicitar que apague quaisquer dados pessoais que tenhamos sobre você. Isso não inclui quaisquer dados que somos obrigados a manter para fins administrativos, legais ou de segurança.

Slefty
Artigos

The Future of Steel Products

05-01-2017

Steel is an ever changing material. How will it be handled in the future? And what for?

 

The first industrial revolutions has grown massively the use of steel and with that came a whole bunch of new applications across many sectores, like in construction, equipment, mining and ship building. Before this time, steel was hard to use and expensive to buy. 

 

For this first decades, long steel products were expensive to use due to their energy consumption, linked to their manufacturing process. When compared to steel long products cost, labour was very cheap, so companies were using a lot of hand work to reduce quantities of steel in their final products.

 

Across the 20th century, labor costs have by far surpasses long steel product prices, meaning companies continually reduced the hand work against the steel quantity in their manufacturing processes. This major shift in the economics of products' value chain, boosting needed changes in many technical production key points.

 

Higher labor costs have triggered the development of automatic machines, some working right now in many companies. The use of those machines has reduced the need of people in industrial processes and so engineering and economics together have solved the problem of labor work in the competitiveness of steel products. Or at least a part of the problem. 

 

The steel manufacturing companies are introducing in their value chain the need to fit every customer in a customized way but the steel mill companies, who deliver long steel products to a wide variety of industries, are still standardized.

 

When a long steel product is used to support something, in each cross section there is a different stress state and the sections necessities are different. So why use a normalized product to all the length of the product? And why not use a different section and dimension for each stress state?

 

 

In the past, this kind of assumption made all sense because the costs of standardization are a lot lower in many industrial processes.

Now, in the era of customization, optimization, 3D manufacturing and additive manufacturing, there are an infinite number of ways to accomplish that The steel mills need to be aware to all these future market changes and Engineering companies have a big step forward towards a more refined and personalized analysis. 

 

If you're looking to understand your best steel usage options, get in touch with us.

 

Gostou deste artigo? 0
Partilhe este artigo